05 abril 2009

MENU ©


De baixo pra cima
O banquete completo:

Entrada
Prato principal
Sobremesa

Pode vir que tá na mesa!



Por Van Luchiari ©

*Texto registrado na Biblioteca Nacional.
Todos os direitos reservados ©



12 comentários:

Ricky Bar disse...

Escultura
Corpo esculpido pelo artista
Com curvas suaves
Branca como o mármore
Serena, meiga, uma obra de arte
Seios delineados pelos entalhes
Olhando pro alto, arrogantes!

Contornos esculpidos,
Ombros frágeis, mãos serenas,
Meigas peças de provocar delírios.
Seios delineáveis, pedintes e pedantes,
Por instantes atraiçoados por bicos arrogantes.
Ventre quente, de guardar semente,
Vizinho do erótico, do aromático,
Do único caminho de penetrar no todo.
Corpo de quadris enigmáticos,
De requebros frenéticos,
De pernas rapinas, morenas,
De coxas felinas, sedentas,
Torneadas na selva.
Culminam em pés carinhosos,
Como mãos atrevidas,
Em procuras bandidas,
Em dedinhos sensuais.
E a cabeça dengosa,
Com olhos gotejantes,
A boca entreaberta,
A língua molhada,
Oferece, safada, a promessa de amor.
Colher neste corpo
O sumo, o fruto, o bagaço,
Transbordar num abraço
O encanto da flor.
Adorna o meu corpo
Com teus laços, apertos,
Com tuas marcas, teus dentes,
Me guarda, me aguarda
Que tua morada,
A fogo entalhada,
No meu apreço.

Flavio Ferrari disse...

Eu também adoro cerejas ...

Nuno de Sousa disse...

Belo momento :-), um menu interessante, apetitoso e uma mesa bem recheada... já fiquei com fome ehehehe.
Mais um belo trabalho.
Bjs e uma boa semana por esses lados,
Nuno

chicoelho disse...

Vertice do maximo do prazer e ainda acompanha uma cereja,um prato para ser comido com muita volupia.

Abç

Osmar Reyex disse...

hummmm. quero mais...sempre!

Adroaldo Bauer disse...

A série é no prazer construída:
versos sentidos, ilustrações fruídas, gozo retribuído, divino.
Ousadia fêmea derrota moral efêmera!

Adroaldo Bauer disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
lucas disse...

Um cardápio de sonho.

AC Rangel disse...

Poesia completa.
Poesia escultural.
Poesia úmida.
Poesia tesão puro.
Linda imagem.
Extremamente sensual.

Beijo. Ali.

Pocinho disse...

Um pudim...
Um vermelho carmim...
Te quero assim...
Mergulho em ti enfim...
Me engula por fim...
Me sugue até o fim...
Ai de mim !

Dafny* disse...

muito lindas as suas fotos!é vc mesma que as tira?
Lindo o seu trbalho!Cheguei até aqui por intermedio de uma amiga e naum vou sair mais,pode ter certeza.

Boa sorte e continue nos encanatando com nós mesmos e nossa capacidade de amar de mi maneiras.

Dafny* disse...

muito lindas as suas fotos!é vc mesma que as tira?
Lindo o seu trbalho!Cheguei até aqui por intermedio de uma amiga e naum vou sair mais,pode ter certeza.

Boa sorte e continue nos encanatando com nós mesmos e nossa capacidade de amar de mi maneiras.