10 julho 2008

TE COMER


Te comer.
Te comer com a língua, te comer com a alma.
Te comer no elevador, no corredor, te comer com amor.
Te comer com manteiga, com mel, com sorvete, com chantilly.
Em pé, sentado, no sofá, no chão, na cozinha, no restaurante,
No prato, em duralex, em eucatex, no provador e naquela estante.
Te comer sem medo, sem pudor, sem medidas, sem dó.
Ao sumo, molhado, fluído, sólido e duro.
Te comer na cama, na grama, na aspereza do muro.
Te comer com gosto, com gula, te comer com fúria e prazer.
Até que em mim te derrames todo, te dês inteiro até o talo.
Pra encher meu ser de ti e minha boca do teu falo.
Até que me sacies. Até que eu engula teu nome.
Te comer em goles. Te comer com fome.
Te comer com fome.



Por Van Luchiari ©

11 comentários:

Teu disse...

...te comer em goles

E eu, te sorverei em pedaços!

Vou continuar bebendo!
Nestes dois dias, estás inspirada, hein?

Teu disse...

!

O Equilibrador de Pratos disse...

Excelente blog. Sério. Difícil encontrar um blog de conteúdo hoje em dia. Mas virarei assíduo aqui no teu, ok? Sério. Curto pra caralho textos eróticos, sensuais, que atiçam... Aliás, dá uma conferida no nosso. Acho que pode rolar uma interação bem legal entre nossos blogs: www.oequilibradordepratos.blogspot.com

- O Equilibrador de Pratos -
O que os homens pensam?

Relacionamentos. Teorias. Discussões. Comentários. Mulheres. Sexo. E pratos equilibrados em varinhas. Bem-vindo à vida real.

3 amigos (B. Sacamano, Hannibal e Jurandir, pseudônimos, claro) que resolveram fazer um blog tratando de assuntos que abordam o "Universo Homem + Mulher = Relacionamentos". Retrata todos assuntos citados acima, com textos bem escritos, humorados, ácidos, sarcásticos, irônicos e, sinceros ao extremo. Vale dar uma conferida. E que atire a primeira pedra quem não se identificar com algo. E por que o nome "O Equilibrador de Pratos"? Entre no blog e descubra. Será um "soco no rim". No bom sentido, é claro.

dialogoscomaminhamente disse...

Lindo!

A foto parece feita para o texto...

Beijos,
K'ran.

Teu disse...

Também

Anônimo disse...

Moça dos olhos de mar, meio sem fôlego, fui buscar ajuda no texto maravilhoso de Andréa Delfuego:

"Timbre

Teus dedos seguram minha nuca, outros, com mais urgência, fazem dos cabelos a rédea do tormento primata. O quadril, viril motor, impulsiona o pau carne quente adentro, a rosa aperta.

Venha, pode vir, encoste tua pele lisa contra a minha, teu almíscar perfuma os lábios, o pau se aninha na língua e teu amor explode no céu da minha boca.

Tua lava, ainda quente, é sinuosa pelo rosto.

E descanso deitada em tua virilha, de onde avisto a serra máscula.


Andréa Delfugo www.delfuego.zip.net/

Sérgio Luyz Rocha disse...

Extasiado...
Palavra e imagem em completa sintonia; erotismo sacralizado sem gratuidade e sem vulgaridade (embora, por vezes, nem faça tão mal assim...)

bjs!

Three Love's disse...

safado, sacana, indecente, delicioso...

Victor Canti disse...

sou um adorador do sexo oral, esta leitura empolga...rs
onde vc consegue estas imagens..?!
beijão ;)

Edu C. disse...

(CALOR)

AC Rangel disse...

Nariz lindo. Lindo queixo. Boca linda. Lingua linda. Cabeça linda. Cena maravilhosa...